Política de Inovação

A Política de Inovação da universidade Federal do Oeste da Bahia está em fase de apreciação pelas comissões responsáveis. Em breve divulgaremos neste portal as resoluções que definem os trâmites necessários para cada processo. 

A Legislação geral sobre a política de inovação nacional, que pauta os procedimentos institucionais, pode ser acompanhada clicando AQUI

Se deseja abrir um processo de PI, acesse AQUI para mais informações.

 

Existem quatro eixos para fixarmos as bases desta política e objetivo institucional:

a) Serviços ao pesquisador

 Apoio interno à construção de propostas e sua execução

Estratégia: Facilitar serviços para todos os servidores que desejem trabalhar.

b) Maximizar os benefícios para sociedade.

  - Busca de parcerias de modo a desenvolver as tecnologias criadas dentro da UFOB

  - Estratégia: Transferência de tecnologias.

  - Analise de potencial comercial

  - Busca de tecnologias promissoras

c) Ações que tenham como pano de fundo o Desenvolvimento Regional

  - Geração de emprego e renda

  - Estratégia:

  - Fomento à criação de micro e pequenas empresas: startup e spin-off

  - Num futuro próximo, fomento à atração de empresas estratégicas que colaborem com o desenvolvimento da ciência e tecnologia na UFOB seja mediante geração de economias de escopo no Parque Tecnológico, no Centro de inovação e aceleradoras e Incubadoras de empresas.

  - Consolidação de um ecossistema de Inovação e Empreendedorismo na Região Oeste da Bahia

d) Política de Titularidade dos Produtos Tecnológicos gerados na UFOB:

  - Segundo o INPI o titular tem o direito de impedir terceiros, sem o seu consentimento, de produzir, colocar à venda, usar, importar produto objeto da patente ou processo ou produto obtido diretamente por processo patenteado. Terceiros podem fazer uso da invenção somente com a permissão do titular (licença)

  Estratégia: Analisar em benefício da UFOB a estratégia de titularidade quando necessário. Pode ser titular o inventor, a universidade, empresa, Governo, agência financiadora, ou pode ter nenhum titular.

  - Geração de recursos para a universidade: Licenças, Royalties, Cessões de recursos, participação, etc.

Topo